sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Frutas - Banana

   A banana é uma das frutas mais comuns nas feiras livres e supermercados de todo o Brasil. E não é por um acaso: ela tem a aceitação em todas as classes sociais, paladares e faixas etárias. Seu cultivo ocorre em toda a faixa tropical do planeta, incluindo o Brasil, forte produtor e consumidor de várias espécies diferentes (nanica, prata, maçã, etc.).
  Dentre as principais propriedades nutricionais da fruta, estão: o seu alto poder energético, quantidades significativas de vitaminas A, B1, B2 e dos minerais potássio, fósforo, cálcio e ferro. 
   Existem muitas receitas gostosas e nutritivas que levam banana na sua composição, como doce de banana e salada de frutas. Como uma opção muito boa para o lanche da tarde está a torta de banana.
  
TORTA DE BANANA 



3 ovos
2 xícaras (chá) de açúcar
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 xícara (chá) de manteiga derretida
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
6 bananas nanicas
Açúcar e canela para polvilhar

Modo de preparo
1. Bater as claras em neve;
2. Acrescentar as gemas, o açúcar, a farinha, a manteiga e o fermento, misturando bem;
3. Colocar a massa em uma assadeira untada espalhando-a de maneira que a sua altura seja de aproximadamente 2 centímetros;
4. Cobrir com fatias de banana e polvilhar com açúcar e canela;
5. Levar ao forno, já quente, por 20 a 30 minutos.

Dica: Essa receita é indicada para pessoas que são intolerantes a lactose ou apresentam alergia alimentar ao leite. 

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Gorduras boas X gorduras ruins

  Hoje em dia muito se discute sobre o aumento das taxas de colesterol e das doenças cardiovasculares entre a população. A alimentação inadequada proporcionada pela mudança do estilo de vida nas grandes metrópoles contribui para o agravamento dessa situação.
  Identificar os diferentes tipos de gorduras existentes nos alimentos pode ajudar no direcionamento para o combate desse males tão comuns na atualidade.

  Gorduras Insaturadas
  São de origem vegetal e se encontram mais facilmente na forma líquida. Ajudam no aumento do colesterol  "bom" no sangue (HDL) e também a transportar as vitaminas A, D, E e K no organismo. Suas fontes são os óleos vegetais (como os de canola, soja e girassol), azeite de oliva e peixes de águas salgadas e frias (como o atum e o salmão).

   Gorduras Saturadas
 São de origem animal e se encontram na forma sólida nos alimentos. Estão associadas ao aumento do colesterol "ruim" no sangue (LDL), desencadeador de problemas cardiovasculares. Suas fontes são as gorduras aparentes das carnes vermelhas, peles de frango, bacon, embutidos (presunto, mortadela, salame), leites integrais e seus derivados (manteigas e queijos amarelos) e gema de ovo.

   Gorduras Trans
São as gorduras de origem vegetal manipuladas pela indústria por um processo chamado hidrogenação. São altamente prejudiciais, por esse motivo, estão sendo retiradas de circulação do mercado. É importante estar atento aos rótulos. pois eles descrevem se o produto é isento desse tipo de gordura.


   Para combater o colesterol, portanto, deve-se priorizar o consumo dos alimentos que contenham gorduras insaturadas, hortaliças, frutas, carnes magras e leite desnatado. É importante lembrar que a atividade física também é uma ótima aliada.



  

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Praia, sol e alimentação

  O Carnaval se aproxima, e muitas pessoas vão curtir os dias de folia na praia. Porém, esse é um lugar onde os cuidados com a alimentação não devem ser esquecidos, para que o passeio não estrague por conta de uma toxiinfecção alimentar. Aqui seguem algumas dicas de como evitar as doenças transmitidas por alimentos, muito comuns no litoral:



   - Frituras: Muitas são as opções de pastéis e salgadinhos nos quiosques. Porém, quando fritos, deve-se observar a qualidade do óleo em que eles foram produzidos. Quando esse óleo utilizado na preparação estiver com a coloração muito escura, é sinal que ele está liberando toxinas prejudiciais à saúde. Portanto, os salgados assados são mais seguros de serem consumidos.

   - Exposição a areia e sol: Muitos produtos são vendidos na praia em isopores, como espetinhos de queijo e camarão. Quando esses produtos são vendidos em compartimentos que estão abertos (como isopores), a chance de contaminação bacteriana é muito grande.

   - Milho: Produto muito comum na praia. O ideal é que ele esteja em água fervente, para garantir que não haverá nenhum risco para o produto.

   - Gelo e bebidas alcoólicas: O gelo deve ser produzido com água filtrada e estar devidamente embalado de forma correta. O consumo de bebidas alcoólicas não é recomendado, para evitar desidratação.

   - Água de coco: A faca ou utensílio utilizado para cortar o coco deve estar higienizado corretamente e em boas condições de uso. Evitar consumir a água de coco em copos descartáveis, para que a bebida que está dentro do coco não fique contaminada com o meio externo. Os canudos, melhor opção nesse caso, devem estar embalados individualmente.

   - Traga comida de casa: Prefira montar sua refeição com comidas leves (como sanduíches e biscoitos). Cuidados com as preparações a base de carnes e molhos (como a maionese). Esses produtos devem ser mantidos em caixas térmicas próprias. Prefira os produtos industrializados.

   Dessa forma, a alegria e a saúde estão garantidas nesse e em qualquer outro feriado.




quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Carboidratos - O nutriente da energia

   Os carboidratos são a mais importante fonte de energia da dieta. Ele deve estar presente em maior parte de tudo o que ingerimos durante todo o dia (55 - 75% do Valor Calórico Total, segundo a FAO/2003). Alguns dos alimentos que fazem parte desse grupo são o açúcar, os cereais, os pães, massas e doces.
   São muito recomendados para pessoas que mantêm um ritmo de exercícios físicos elevado, por estabilizar os índices de glicemia. A melhor oferta de carboidratos pode vir dos cereais integrais, pois eles apresentam uma digestibilidade mais lenta, saciando por mais tempo.
   Mas tanto o excesso quanto a falta do seu consumo podem causar problemas de saúde. Ao exagerar desse alimento no cotidiano, corre um sério risco da pessoa ter um aumento no Triglicérides, que é causado pelo "estoque" de energia a mais no corpo em forma de gordura. A falta dele pode levar a um quadro de hipoglicemia, e em casos extremos, perda de massa muscular.
   Para a manutenção da saúde, consuma carboidratos corretamente!!!


   


"Os textos desse blog são apenas informativos. Nada substitui o acompanhamento nutricional realizado pessoalmente".