terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Congelando alimentos

     O método de congelamento de alimentos pode ser uma saída para quem quer ser prático sem deixar de ser saudável. O congelamento acontece em temperaturas negativas (abaixo do 0ºC) e pode proporcionar um maior tempo de consumo, mantendo as características nutricionais do que será consumido. Mas, para isso, devem ser seguidos alguns cuidados na hora de realizar esse procedimento:


- Utilize sempre alimentos frescos e corretamente higienizados;
- Utilize utensílios e embalagens adequados e bem limpos. No caso de líquidos, prefira os esterilizados;
- Divida os alimentos em porções e quantidades adequadas, conforme o planejamento do seu consumo (por exemplo, se a intenção for servir três pessoas, realize o congelamento somente para essa quantidade);
- Não deixe o alimento exposto as baixas temperaturas, protegendo o mesmo com tampas ou filme próprio. O ideal é que não ocorra a formação de gelo no interior da embalagem. Se possível, faça a vácuo. 
- Algo bem útil a se fazer é identificar o alimento com etiquetas previamente, colocando a data e o tipo de alimento que foi congelado na embalagem, assim evita-se o risco de não saber o que se congelou;
- Sempre fique atento ao estado de conservação do seu congelador;
- Não congele alimentos já reaquecidos, reutilizados ou que estão fora do seu prazo de validade;
- O recongelamento não é aconselhável, pois o alimento ao voltar para o freezer perde suas características gerais de qualidade e seu tempo de validade diminui.

   Espero que tenham gostado das dicas!!! Visite o canal "Semeando Saúde" no youtube e acompanhe as nossas redes sociais para mais informações!!! Até a próxima!!!


quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Tabule

Ingredientes:
- 1 xícara (chá) de trigo para kibe
- 1 unidade de tomate picado em cubos
- 1/2 unidade de pimentão vermelho, amarelo e verde]
- 1 unidade de pepino picado
- 1 unidade média de cebola picada
- 1/4 de xícara (chá) de hortelã picada
- Suco de limão, pimenta-do-reino e azeite a gosto



Modo de preparo
    Deixe o trigo de molho por 20 minutos em água quente, para hidratar. Retire a água e esprema bem. Misture bem a cebola, os pimentões, o tomate, a hortelã e o pepino. Reserve a parte o molho com o suco de limão, sal e azeite. Acrescente sobre uma travessa rasa, se preferir, decore com hortelã. Sugestões: pode ser servida com outros tipos de salada, como alface lisa, ou também como acompanhamento para outros tipos de preparações, como carnes e legumes. 

Tempo de preparo: 20 minutos
Rendimento: 4 porções.



quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Alimentos transgênicos: onde eles estão?

    Os alimentos transgênicos, ou geneticamente modificados, são uma realidade. São inúmeros os exemplos, como o milho, soja, canela, inhame, arroz, tomate, trigo, batata-doce, entre outros. 
     Por lei, desde 2003 esses alimentos devem ser identificados, para que o consumidor possa estar ciente e fazer a escolha por consumi-lo ou não. Muitas vezes, o símbolo "T" passa desapercebido, mas está lá, presente nos rótulos. Tudo isso se deve ao fato de que existem vantagens e desvantagens, por esse tipo de produto causar tanta polêmica e dúvidas. 

Fique atento à esse símbolo nos rótulos!!! 


      Os pontos positivos que podem ser destacados são a possibilidade do aumento da produção e até do valor nutricional dos alimentos. Porém, há divergências sobre o impacto ambiental que as plantações causariam, tornando pragas e ervas daninhas mais resistentes e até o fato de que as sementes transgênicas poderiam "contaminar" as orgânicas. 
      A comunidade científica ainda estuda sobre o assunto para saber até onde vão esses perigos ou o quanto poderemos ganhar com esses produtos. Enquanto isso, a liberdade para escolher se consumiremos ou não está em nossas mãos.  
"Os textos desse blog são apenas informativos. Nada substitui o acompanhamento nutricional realizado pessoalmente".