sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Conheça o serviço de Personal Diet

   O Personal Diet é o nutricionista que foca, de forma moderna e objetiva,o atendimento personalizado e domiciliar de seus pacientes. Ele observa os hábitos alimentares com os objetivos familiares e/ou individuais de cada cliente, sugerindo cardápios saborosos, saudáveis, práticos e acessíveis. Também realiza avaliações antropométricas e nutricionais, adequando a alimentação de acordo com as necessidades de cada um. 
    Os locais onde serão realizadas as consultas podem ser em casa, academias, escritórios, locais de trabalho, de acordo com a conveniência de cada cliente/paciente. 
Resultado de imagem para Personal Diet

    Esse profissional também oferece orientações sobre uma melhor alimentação e treina os responsáveis da casa pela alimentação da família para uma melhor seleção, compra e preparo dos alimentos a serem servidos. Portanto, esse profissional alia saúde, busca de novos hábitos alimentares, sem deixar de lado o sabor, identidade cultural e memória afetiva de quem é atendido.
    Para quem quiser saber mais sobre esse tipo de atuação do Nutricionista, deixe seu comentário abaixo ou entre em contato nas redes sociais! Até mais!
Instagram: @semeando_saude
Facebook: /blogsemeandosaude

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Vegetarianismo

     Olá pessoal! O assunto hoje é especial para quem quer ou já segue o estilo de vida vegetariano. Nos dias de hoje, ser vegetariano pode ter vários motivos ou significados: religião, ativismo pela causa animal, proteção do meio ambiente, econômico, etc. Mas essas mesmas pessoas, que encaram o desafio de não consumir produtos de origem animal, acabam se perguntando qual a melhor alternativa para continuar tendo uma dieta equilibrada restringindo esses alimentos. 
      Para os indivíduos que aderem a uma dieta vegan (sem carnes, ovos e derivados do leite), o desafio acaba sendo ainda maior. Porém, com uma boa orientação profissional (médico e nutricionista), os nutrientes presentes em produtos animais (como os aminoácidos) podem ser repostos em outros tipos de alimentos, como soja, brotos e cereais. Nos casos em que o paciente apenas restringe as carnes bovina e de aves, os peixes, ovos e laticínios continuam a contribuir no equilíbrio de nutrientes do cardápio.

Resultado de imagem para vegetariano

        A seguir, listo algumas dicas para quem segue uma dieta vegetariana:
- Sempre disponibilizar na dieta alimentos ricos em vitaminas e minerais (como frutas, verduras, legumes e sementes oleaginosas), principalmente frescos;
- Aumentar o consumo de leguminosas (feijões, grão-de-bico, lentilha, ervilha e soja), incluindo, se possível, até brotos;
- Uma opção para a troca do leite é dos produtos fermentados à base de soja;
- Sugestão de frutas secas na sobremesa;
- Evitar o consumo de alimentos ricos em ferro e cálcio na mesma refeição, para que não haja nenhum tipo de competição na absorção desses nutrientes pelo organismo;
- Os alimentos ricos em vitamina C devem ser consumidos durante as refeições, para que haja um amior aproveitamento do ferro;
- Procure um profissional e consulte as tabelas de composição de alimentos, ficando atento principalmente ao consumo adequado de zinco, cálcio e fitatos;
- Se houver necessidade, um profissional capacitado, da área de Nutrição, irá recomendar a ingestão de alimentos fortificados em ferro e zinco.

Recomendo para quem quiser saber mais a leitura do seguinte artigo científico: http://apps.einstein.br/revista/arquivos/PDF/518-v6n3aRW518portp365-73.pdf

         Continue por dentro de todas as novidades do Semeando Saúde! Nos siga nas redes sociais! Até mais!
Instagram: @semeando_saude
Facebook: /blogsemeandosaude

"Os textos desse blog são apenas informativos. Nada substitui o acompanhamento nutricional realizado pessoalmente".