sexta-feira, 22 de julho de 2016

Alimentação e envelhecimento

       A alimentação do idoso exige cuidados específicos, que têm a ver com a fase da vida em que se encontram... No Canal Semeando Saúde, do Youtube, podemos conferir um vídeo em que esse assunto é tratado de forma simples e explicativa... Confira, curta e compartilhe...
       E se ainda não é inscrito no canal, inscreva-se, para receber notificações de mais vídeos sobre alimentação e vida saudável!!!





Curta no Facebook: /blogsemeandosaúde
Siga no Instagram: @semeando_saude

     Até mais!!!!

sexta-feira, 8 de julho de 2016

Eu recomendo, conferi, conheci - #5

         Chegando com as dicas mais imperdíveis do semestre, que estiveram entre os meus favoritos e demais curiosidades do mundo da Nutrição!!!

1. Campanha #poenorotulo: foi criada em 2014, com o objetivo de conscientizar a população não-alérgica para a necessidade da rotulagem destacada de alimentos alergênicos, como trigo, leite, soja, ovo, crustáceos e oleaginosas. Têm ganho cada vez mais força, aumentando o número de seguidores nas redes sociais e alcançando importantes vitórias junto aos órgãos regulatórios no país.


2. Biscoitos de arroz: Apesar de existir a versão industrializada, seus ingredientes são apenas arroz e sal. No início parece "sem graça", mas pode acompanhar queijo branco, geleia ou requeijão em um lanche da manhã, por exemplo. Um carboidrato que, na medida certa, não pesa e não contém glúten. 






3. Filé de merluza: É um peixe de ótimo custo-benefício, sendo magro e possui muitos nutrientes, ideal para a saúde do cérebro, coração e ossos. É rico em proteínas, fósforo, cálcio e potássio. Pode estar presente no almoço ou jantar grelhado, cozido em molho, com diversos acompanhamentos. 

4. Rúcula: De folhas alongadas, geralmente verde-escuras, é consumida em forma de salada, refogada ou cozida, sendo ingrediente de muitas receitas deliciosas. É rica em vitamina A, C, proteínas, potássio e ferro. Pode ajudar na melhora da digestão, anemia e é diurética. Sob refrigeração e protegida, as resiste por até 4 dias. Fora da geladeira, consumir na mesma data. 

5. Série documentário "Cooked": Lançado em fevereiro de 2016, essa série da Netflix baseada no livro do ativista Michael Pollan abre uma discussão de como a sociedade está cada vez menos indo para a cozinha, porém consumindo mais alimentos produzidos pela indústria, causando inúmeros prejuízos para a saúde. É dividida em 4 capítulos com cerca de 45 minutos cada: água, fogo, terra e ar. 

Para mais dicas, continue acessando o Blog e acompanhe as redes sociais:
Instagram: @semeando_saude
Facebook: /blogsemeandosaude
Até mais!!!
"Os textos desse blog são apenas informativos. Nada substitui o acompanhamento nutricional realizado pessoalmente".